Novembro azul 2017

Na Luta contra o câncer, a prevenção é o melhor remédio.
 
Ressaltando a importância da realização de exames preventivos, o novembro Azul é praticado desde 2008 com o objetivo de mudar os paradigmas da ida do homem ao médico e orientar a população masculina a cuidar melhor da saúde, vivendo mais feliz e por mais tempo.
 
A campanha incentiva os homens a cuidarem da saúde, realizando consultas e exames preventivos regularmente.
 
No Brasil, o câncer de próstata é o mais incidente entre homens, excluídos os casos de pele não melanoma. A maioria dos tumores cresce de forma tão lenta que não chega a dar sintomas durante a vida. O risco também é maior entre homens que tenham história familiar de câncer de próstata, especialmente quando os casos ocorrem antes dos 60 anos.
 
Geralmente, os sintomas desse câncer só se apresentam em estágio mais avançado, mas é possível ficar alerta quanto a certos sintomas:
 
Sensações de queimação ao urinar;
Dificuldades de urinar;
Necessidade de urinar mais vezes durante o dia;
Dores lombares, nos joelhos e nos ossos;
Insuficiência renal;
 
Prevenção e cura
 
Em seu estágio inicial, o câncer de próstata apresenta 90% de chances de cura. Por isso a avaliação rotineira é muito importante com seu urologista ou seu médico mais próximo, que poderá indicar a hora exata e os exames necessários para o rastreamento do câncer de próstata e o seu diagnóstico precoce.
 
O rastreamento é muito importante naqueles homens com mais de 50 anos (realizar em todos) ou naqueles com 45 anos com alto risco de desenvolver CaP: negros ou homens que têm um parente de 1º grau (pai, irmão ou filho) diagnosticados com Câncer de próstata em idade precoce (menos de 65 anos de idade).
 
Fique atento, procure seu médico para melhor orientação.